acessibilidade

Início do conteúdo da página

Publicações

Última Atualização: 29/09/2020

                                                                                                                                                                                                      RIET           
 

A RIET -  Revista Interdisciplinar Educação e Territorialidade- tem como objetivo fomentar resultados de pesquisas empíricas e teóricas que envolvem o território e sua relação com a educação – a partir de suas múltiplas dimensões social, ambiental, política, econômica e cultural - como um espaço norteador na vida dos povos indígenas e camponeses. Nessa perspectiva, a educação é problematizada como um ato crítico e reflexivo, na medida em que é informada pelas vivências nesses diferentes espaços de aprendizagem. O indígena e o camponês são, portanto, agentes de um mundo em constante transformação e, sobretudo, demandantes de uma agenda de questões contrárias aos rumos tomados pelo agronegócio em seus espaços de vida. Portanto, a revista se propõe a ser um centro de debates sobre essas questões, abrangendo as escalas local, regional, nacional e internacional, refletidas por pesquisadores das áreas afins.
Os temas de interesse da revista são: Interdisciplinaridade; Interculturalidade; Desenvolvimento,  Conflitos e Dinâmicas Territoriais Socioterritoriais; Questão Agrária; Reforma Agrária; Processos de Aprendizagem e Abordagens Teóricas sobre Educação do Campo, Indígena, Quilombola e Ribeirinha; Migração e Deslocamento Populacional; Identidade Territorial; Sustentabilidade; Relação Meio Ambiente e Sociedade; Agroecologia; Interação Campo/Cidade; Etnologia Indígena; Trabalho Rural; Políticas Públicas; Pedagogia da Alternância; Etnomatemática; Etnociência;
As áreas de abrangência da RIET são: sociologia, antropologia, geografia, história, pedagogia, linguagens, biologia e demais ciências da natureza, etnomatemática, abrangendo as discussões epistemológicas sobre a educação e o território numa perspectiva de reflexão acerca dos conflitos/limites/superações das questões apresentadas.
Os trabalhos encaminhados serão avaliados pelo Comitê Editorial e por consultores ad hoc e, no processo de seleção, serão observados os seguintes critérios: prioridade do tema, consistência científica, originalidade, atualidade da informação e atendimento das normas éticas e técnicas.
 POLÍTICAS DE SEÇÃO
ARTIGOS, Dôssiês, Resenhas, Entrevistas/TRANSCRIÇÃO DE PALESTRAS, Relatos de experiÊncia e/ou Etnografia.

 Acesse 
http://ojs.ufgd.edu.br/index.php/riet/index e conheça mais detalhes , participe  de pesquisas empíricas e teóricas que envolvem o território e sua relação com a educação.

Estamos esperando sua participação, prazos abertos para envio

A RIET- Revista Interdisciplinar Educação e Territorialidade é vinculada ao Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Educação e Territorialidade da Faculdade Intercultural Indígena (FAIND) da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD). Seu escopo analítico são as reflexões de processos sociais oriundos do contexto da intensa dinâmica socioterritorial das populações do campo, das águas e das florestas em suas múltiplas dimensões (econômica, política, cultural e ambiental), sob uma perspectiva teórico-metodológica, holística, interétnica/intercultural, dialética/dialógica, multiescalar, emancipatória/contra-hegemônica e está com chamadas abertas para dossiês.
Para além destes dossiês temáticos a RIET está também recebendo manuscritos para a composição de seus números, incluindo seções de artigos livres, resenhas, entrevistas e relatos de experiência/etnografias.
Informamos também que a página da revista está na em processo final de implementação, e os trabalhos deverão ser submetidos no próprio sistema OJS da revista, seguindo as normas estabelecidas para cada seção.

Para maiores informações sobre a chamada para os novos  Dossiês, acesse: 

Dossiê 1 – Tema: Territórios/Territorialidades das Populações do Campo, das Águas e das Florestas: Avanços e Desafios na constituição de Práxis Contra-Hegemônicas
Organizadores:
Dr. Rodrigo Simão Camacho - E-mail: rodrigocamacho@ufgd.edu.br
Dr. José Sobreiro Filho – E-mail: sobreirounesp@gmail.com
Período de envio de trabalhos: 03/08/2020 a 15/10/2020
Previsão de publicação: dezembro/2020

Dossiê 2 – Tema: Educação em tempos de pandemia
Organizadores:
Dr. Cássio Knapp - E-mail: cassioknapp@ufgd.edu.br
Drª Andréia Sangalli – E-mail: andreiasangalli@ufgd.edu.br
Período de envio de trabalhos: 01/11/2020 a 30/03/2021
Previsão de publicação: junho/2021
 
Conheça mais da Produção Acadêmica, livros didáticos/cartilhas educativas produzidas e/ou com colaboração de Docentes e servidores técnicos administrativos da FAIND.

PRODUÇÃO ACADÊMICA

Prof. Dr. Antonio Dari Ramos -
Graduado em História e Filosofia; mestre em História; doutor em História. Pesquisador na Universidade Federal da Grande Dourados, onde é também docente na Licenciatura Intercultural Indígena Teko Arandu, na Licenciatura em Educação do Campo e no Programa de Pós-Graduação em Antropologia. É diretor da Faculdade Intercultural Indígena, FAIND/UFGD

Profa. Dra. Andréia Sangalli - Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2000), mestrado (2003) em Agronomia- Produção Vegetal pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul e doutorado (2008) em Agronomia- Produção Vegetal pela Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD). É professora Associada na Universidade Federal da Grande Dourados, MS

Profa. Ma. Ana Aline de Medeiros Silva  - Graduada em Licenciatura Plena em Física pelo Centro Federal de Educação Tecnológica do Rio Grande do Norte (2008). Mestra pelo Programa de Pós Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática da Universidade Estadual de Londrina-PR na área de História e Filosofia da Ciência (2013). É Professora do Magistério Superior na Universidade Federal da Grande Dourados, lecionando nos cursos de Licenciatura em Educação do Campo com habilitação em Ciências da Natureza e Licenciatura Intercultural Indígena com habilitação em Ciências da Natureza. Tem experiência na área de Ensino de Física, Educação do Campo e Educação Intercultural, atuando principalmente nos seguintes temas: educação popular; formação de professores e prática pedagógica inclusiva. Atualmente é doutoranda do Programa de Pós Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática da Universidade Estadual de Londrina-PR na área de Ensino de Ciências.

Servidora Técnica Administrativa Adriana Candida da Silva Fiori -  Servidora Técnica administrativa na Universidade Federal da Grande Dourados, lotado na Faculdade Intercultural Indígena – FAIND. Possui formação em Psicologia pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul- UFMS/2001; Especialização Lato Sensu em Psicomotricidade pela Faculdade União de Campo Mourão/PR-2015.

Prof. Dr. Daniel Valério Martins - Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Estadual Vale do Acaraú (2002), especialização em Metodologias de Ensino pela Universidade Estadual do Ceará (2003), mestrado em Antropologia de Ibero-américa pela Universidade de Salamanca (2012), mestrado em Cooperação Internacional pelas Universidades de Salamanca, Valladolid, León e Burgos (2014), doutorado em Estudos Latinoamericanos na Linha de Antropologia da Educação pela Universidade de Salamanca (2015), obtendo Prêmio Extraordinário de Doutorado, também possui Doutorado em Educação pela Universidade de Burgos (2019) e Pós-Doutorado no Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina - IHGSC (2020). Atualmente é professor do mestrado de Antropologia de Ibero-América da Universidade de Salamanca, Professor Adjunto-A, visitante da Universidade Federal da Grande Dourados- UFGD, Vice-presidente da Associação de Alunos Brasileiros da Universidade de Salamanca- ABS, membro do Instituto de Iberoamérica da Universidade de Salamanca, membro do Centro de Estudos Brasileiros da Universidad de Salamanca, atuando no Grupo para Criação e Difusão da Antropologia, pesquisador das Universidades Estadual e Federal da Paraíba, pesquisador da Universidade Federal do Ceará e da Universidade Federal de Sergipe. Tem experiência na área de Antropologia da Educação, com ênfase nos seguintes temas: cultura, interculturalidade, educacão, mediação e cooperação.

Profa. Dra. Edir Neves Barboza - Professora Assistente da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), lotada na Faculdade Intercultural Indígena (Faind) no curso de Licenciatura em Educação do Campo (LEDUC). Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho"/Faculdade de Ciências e Tecnologia, Câmpus de Presidente Prudente. Mestre em Educação, pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS - Campus Campo Grande). Graduada em História - Licenciatura Plena, pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS - Campus Dourados/atual UFGD). Membro do Grupo de Pesquisa Formação de Professores e Práticas de Ensino na Educação Básica e Superior; (http://www.fct.unesp.br/#!/pesquisa/fppeebs/).Tem experiência nas áreas de educação e gestão de projetos com ênfase em Educação. Atua principalmente no seguinte tema: Estado, Política Pública em Educação, Formação de Professores, Educação do Campo.

Profa. Ma. Heiracles Mariano Dias Batista -  Possui graduação em Licenciatura Plena em Ciências Biológicas habilitação em Matemática pela Universidade Federal do Mato Grosso do Sul -UFMS e Bacharel em Ciências Contábeis pela Universidade Federal do Mato Grosso do Sul- UFMS.Mestrado em Educação pela Universidade Federal da Grande Dourados- UFGD. Tem experiência como professora do ensino fundamental, médio, superior e cursos profissionalizantes- PRONATEC na rede pública. Atuou durante um ano na Educação á distância - EAD e por seis meses no Curso de Licenciatura em Informática pela Universidade Federal da Grande Dourados/EAD na função de professora tutora . Professora do Curso de Licenciatura intercultural Indígena "Teko Arandu "na Faculdade Intercultural Indigena/FAIND da Universidade Federal da Grande Dourados-UFGD. Participou do grupo de pesquisa GEPHEMES, GREPMAT, GEPTIC na linha de pesquisa Formação e atuação de professores de Matemática.

Prof. Dr. Levi Marques Pereira - Graduado em Bacharelado e Licenciatura em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (1989), mestre em Antropologia Social pela Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP (1999) e doutor em Ciência Social (Antropologia Social) pela Universidade de São Paulo -USP (2004). Pós-doutor em Antropologia - UNICAMP (2009), e pós-doutor em Antropologia USP (2015). Atualmente é professor associado na Universidade Federal da Grande Dourados - UFGD, onde leciona na Faculdade Intercultural Indígena (Licenciatura Intercultural Indígena - Teko Arandu) e participa dos programas de pós-graduação em Antropologia e História. Bolsista de Produtividade em Pesquisa 2 - CNPq. Tem experiência na área de Antropologia, com ênfase em Etnologia Sul-americana, atuando principalmente nos seguintes temas: parentesco e organização social, conhecimentos indígenas, cosmologia indígena, infância e gênero, história indígena, terras indígenas e movimento social. Realizou perícias para a justiça (estadual e federal), trabalhos técnicos para governos, UNICEF e UNESCO e, também atuou em estudos de licenciamento ambiental.

Profa. Dra. Maria Aparecida Mendes de Oliveira Possui graduação em Licenciatura Plena em Matemática pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (1999), especialização em Educação Matemática pela Universidade Federal da Grande Dourados (2006). Mestre em Educação Matemática pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2009). Doutora em Educação ? opção: Ensino de Ciências e Matemática no programa de Pós Graduação em Educação da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo FE/USP, (2020). Professora do curso de Licenciatura Intercultural Indígena da Faculdade Intercultural Indígena- FAIND da Universidade Federal da Grande Dourados, Tem experiência na área de Educação Matemática, com ênfase em educação escolar indígena e formação de professores indígenas. Colabora com a formação de professores indígenas no curso Normal Médio Ará Verá. Atuando principalmente nos seguintes temas: formação de professores, currículo e etnomatemática.  

Prof. Dr. Neimar Machado de Sousa -  licenciado em Filosofia na Universidade Católica Dom Bosco (1997), é mestre em História Regional pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2002) e doutor em Educação pela Universidade Federal de São Carlos (2009). Atua na Faculdade Intercultural Indígena no ensino de graduação (Licenciatura Intercultural Indígena Teko Arandu) e pós-graduação (Mestrado em Educação e Territorialidade). Desenvolve o Serviço da Documentação e Informação sobre os Povos Indígenas e tem experiência na área de Educação Intercultural, Indigenismo e Etnohistória. Coordena o Grupo de Pesquisa Laboratório de Pesquisas em História e Educação Indígena (LABHEI), o Grupo de Estudos e Pesquisas sobre Drogas (GEPED), participa do Grupo de Trabalho Comitê Editorial do Cone Sul, sendo conselheiro suplente do COMAD (Conselho Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas) de Dourados.

Servidor Tecnico Administrativo Oscar Frank Junior - Servidor Técnico administrativo na Universidade Federal da Grande Dourados, lotado na Faculdade Intercultural Indígena – FAIND, Possui formação em Tecnólogo em Gestão Pública pela Faculdade de Tecnologia internacional – FATEC /2010; Especialização em Gestão Publica pela Universidade Estadual de Ponta Grossa - UEPG /PR -2012 e Especialização em Gestão Pública Municipal na Universidade do Centro-Oeste  - UNICENTRO/PR – 2013; Acadêmico do Curso de Administração na Faculdade Cruzeiro do Sul.

Prof. Dr. Rodrigo Simão Camacho - Possui Graduação em Geografia pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - UFMS (2005); Mestrado em Geografia pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2008); Doutorado em Geografia pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) campus de Presidente Prudente (2014); Pós-Doutorado em Geografia pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2015). Foi Professor Efetivo da Rede Municipal de Educação de Paulicéia/SP de 2001 até 2010; Professor contratado do Centro de Ensino Superior de Tupi Paulista (CESTUPI) de 2008 até 2010. Professor Efetivo da Rede Estadual de Educação do Estado de São Paulo em 2008. Atuou como Coordenador da Área de Ciências Humanas no Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID Diversidade/UFGD - 2015-2018) e como professor orientador no Subprojeto da Licenciatura em Educação do Campo do Programa Residência Pedagógica (PRP/UFGD – 2018-2020). Atualmente é Professor do Magistério Superior no Curso de Licenciatura em Educação do Campo (LEDUC) e no Programa Pós-Graduação Interdisciplinar em Educação e Territorialidade (PPGET) na Faculdade Intercultural Indígena (FAIND) da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD). Docente permanente dos Programas de Pós-Graduação em Geografia na Faculdade de Ciências Humanas (FCH) da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) e na Universidade Federal de Mato Grosso Sul (UFMS) campus de Três Lagoas. Líder do Grupo de Estudos, Pesquisas e Projetos de Geografia, Educação do Campo e Questão Agrária (GEOEDUQA) - UFGD. Membro dos grupos de pesquisa do CNPq: Estudos Agrários (CPTL-UFMS), Núcleo de Estudos, Pesquisas e Projetos de Reforma Agrária ¬ NERA (FCT-UNESP), Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação Inclusiva - GEPEI (FAED-UFGD), Rede DATALUTA (UNESP), Centro de Estudos Sobre Técnica, Trabalho e Natureza (IFSP). Membro do Laboratório de Estudos sobre Democracia e Marxismo – LEDEMA (FCH-UFGD). Membro do conselho científico dos periódicos: Revista Nera, Revista Pegada, Revista da AGB (seção local de Três Lagoas) e da editora ANAP. Tem experiência na área de Geografia, com ênfase em Geografia Agrária, Prática de Ensino em Geografia e Educação do Campo, atuando principalmente nos seguintes temas: Ensino de Geografia nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental, Educação do Campo, Questão Agrária, Territórios Camponeses, Movimentos Socioterritoriais Camponeses, Disputas Territoriais no Campo, Formação de Educadores do Campo e Territórios Paradigmáticos da Geografia Agrária Brasileira.

Prof. Dr.Roberto Lobo Munin -  Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2006), mestrado em Ecologia e Conservação pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2008) e doutorado em Programa de Pós Graduação em Ecologia e Conservação pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2012). Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal da Grande Dourados. Tem experiência na área de Ecologia, com ênfase em Ecologia Trófica, atuando principalmente nos seguintes temas: cerrado, limitação de pólen, seed dispersal, lycosidae, aglaoctenus, comportamento predatório e bulldog bats.

Servidor Técnico Reginaldo Candado - Possui Mestrado em História pela Universidade Federal da Grande Dourados - UFGD/MS, graduação em FILOSOFIA pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (1996), Pós-Graduação "Lato Sensu" - Especialização em Magistério de 1º e 2º Graus pela Faculdade de Ciências Humanas e Sociais de Curitiba (1997). Foi professor efetivo de História pela Secretaria Municipal de Educação de Dourados/MS. Atualmente é Assistente em Administração na Universidade Federal da Grande Dourados, na Faculdade Intercultural Indígena. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação Escolar Indígena, Educação Digital, Reorientação Curricular e Práticas em Projetos de Ações Educativas, atuando principalmente nos seguintes temas: Educação Intercultural, Inclusão Social, Autonomia, Planejamento, Aprendizagem, interdisciplinaridade, cultura e diversidade..


Prof. Dr. Walter Roberto Marschner - Possui graduação em Teologia pela Escola Superior de Teologia (1991), graduação em Filosofia pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Palmas (1998) e doutorado em Sociologia -pela Universitat Hamburg - Alemanha (2005). É Professor Adjunto da Universidade Federal da Grande Dourados UFGD no curso Licenciatura em Educação do Campo da Faculdade Intercultural Indígena - FAIND. Professor do Programa de Mestrado em Sociologia da UFGD. Pesquisador da FUNDECT - Fundação de Apoio ao Ensino, Ciência e Tecnologia do MS junto a assentamentos e comunidades rurais do MS. Atuou também como cooperador de desenvolvimento do Serviço de Desenvolvimento das Igrejas Protestantes da Alemanha (EED - Evangelisch Entwicklungsdienst) - em projetos de desenvolvimento sustentável de territorios rurais. Áreas de pesquisa: educação do campo, desenvolvimento territorial, movimentos sociais e agricultura familiar.







LIVROS DIDÁTICOS E/OU CARTILHAS EDUCATIVAS
 

Conheça Produção Academica de Discentes, apresentados e/ou publicados em eventos, seminários, congressos ou revistas especializadas

Academicos da Licenciatura Intercultural "TEKO ARANDU"

Academicos da Licenciatura em Educação do Campo - LEDUC

Academicos da Pós Graduação em Educação e Territorio - PPGET

 
 
Repositorio de trabalhos de conclusão de Curso 
Em construção



 


CONTATO

Rodovia Dourados/Itahum, Km 12 - Unidade II | Caixa Postal: 364 | Cep: 79.804-970
Fone: (67) 3410-2621/2620​ 
E-mail: faind@ufgd.edu
Fim do conteúdo da página