acessibilidade

Início do conteúdo da página

Núcleo de Estudos de Diversidade de Gênero e Sexual


O Núcleo de Estudos de Diversidade de Gênero e Sexual - NEDGS é um órgão suplementar vinculado à Reitoria e se propõe a sensibilizar a comunidade acadêmica da necessidade de se enfrentar a violência de gênero e a violência contra as pessoas LGBTI (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais, Transgêneros e Intersexuais), assim como fomentar a pesquisa e produção do conhecimento nessas temáticas.

Dentro de suas finalidades regimentais, o NEDGS pretende:
I -  sensibilizar a comunidade acadêmica (professores/as, acadêmicas/os e técnicos/as administrativos/as) acerca das diretrizes e bases da educação nacional quanto à temática de estudos da relação de gênero, da diversidade sexual e diversidade de gênero; estimular e apoiar projetos de pesquisa, ensino e extensão voltados para as temáticas de  gênero e de diversidade sexual, especialmente, em Mato Grosso do Sul;
II - incentivar a criação de programa institucional de formação continuada para acadêmicos/as, servidores/as e sociedade civil, em relação a diversidade de gênero e sexual;
III - promover sistematicamente seminários, fóruns e demais eventos de discussão entre professoras/es da UFGD, das demais instâncias de ensino e IES em busca da formação de uma sociedade que reconheça e respeite a diversidade de gênero e sexual;
IV - instituir uma Comissão Permanente para criação, operacionalização, acompanhamento e avaliação das políticas de Diversidade de Gênero e Sexual na UFGD;
V - construir vínculos deste trabalho com movimentos sociais comprometidos com os direitos das mulheres e das pessoas LGBTI (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais, Transgêneros e Intersexuais), promovendo a equidade de gênero e as ações internas de valorização e respeito às  diversidade de  gênero e sexual na UFGD;
VI - fomentar estudos transversais sobre a Diversidade Gênero e Sexual em todas as unidades e Faculdades da UFGD;
VII - integrar outros núcleos de estudos de diversidade de gênero e sexual em diferentes instituições e cursos no Brasil e no exterior, visando à internacionalização das pesquisas e ações.

 
REUNIÕES ORDINÁRIAS AGENDADAS - PRIMEIRO SEMESTRE 2019

28/05 - Abordagem da temática "Maternidades";
26/06 - Voltada à visibilidade LGBTQ+ (preparatória para a Parada).
(Especificações maiores a definir.)

 
As Reuniões são abertas a todas as pessoas interessadas.

ATIVIDADES/EVENTOS COM A PARTICIPAÇÃO DO NÚCLEO
Curso - 10/05 a 05/10
 Ecologias Feministas de Saberes: A construção de um outro mundo possível

Este projeto de Extensão na modalidade Curso, se assenta na ideia de que há “Ecologias Feministas de Saberes” em profundo diálogo com as “Epistemologias do Sul” (SANTOS, 2010), lança-se o desafio de se pensar criticamente a memória, a identidade e as sociabilidades na irradiação daquelas vozes femininas não ouvidas que constituem o inabarcável silêncio planetário no campo do conhecimento, das ciências, do político e do ontológico. As epistemologias feministas criticas pós-coloniais possibilitam a difusão e a reaplicação de forma democrática, participativa e co-gestionada de múltiplas “Ecologias de Saberes” (SANTOS, 2007) que propõem a dialogicidade entre conhecimentos científicos e não-científicos, a consciência comunitária, a inclusão social e a fortalece a participação das mulheres e seus saberes.
Assim, trata-se de proposta de Curso de Extensão, voltado aos estudos feministas e pós-coloniais tem por principais objetivos: 
1. Construir ecologias feministas de saberes, em diálogo com as Epistemologias do Sul, que deem conta da diversidade das experiências de opressão e desigualdade vividas por diferentes mulheres do Sul-global, mas, também de emancipação e alternativas, pensadas e levadas a cabo por elas;
2. Interrogar, refletir e ampliar, do ponto de vista das epistemologias feminista pós-coloniais, quatro conceitos das Epistemologias do Sul: “linhas abissais”, “sociologia das ausências e emergência”, “cosmopolitismo subalterno”, “artesanias das práticas” e, com eles, empreender análises e aprendizagens que podem contribuir para mudar a vida das mulheres e das identidades femininas, unido num diálogo possível saberes científicos e não-científicos; 
3. Visibilizar as experiências, os protagonismos, a partir de baixo, isto é, das iniciativas engendradas e lideradas por mulheres do Sul-global, com vista, à emergência de novos elementos de racionalidade científica, de práticas políticas, culturais e socioeconômicas que questionem os princípios subjacentes aos valores mercadológicos impostos pelo neoliberalismo global e às violências heteropatriarcal e pelo colonialismo interno.

Além disso, buscar envolve como participantes a comunidade acadêmica, profissionais das redes públicas de ensino, agentes do sistema de justiça, segurança pública, saúde, assistência social, comunicação, movimentos sociais, sindicados, lideranças locais, pesquisadores/as ligados ao tema, dentre alguns.

Informações Relevantes da Proposta:

A proposta do presente projeto de Curso de Extensão intitulado: “Ecologias Feministas de Saberes: A construção de um outro mundo possível”, é o resultado de um trabalho que tem vindo a ser desenvolvido e solidificado em diferentes contextos transnacioanis. Primeiramente, Teresa Cunha- pesquisadora do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra-Portugal, coordenou o seminário “ Ecología Feminista de Saberes” no curso de especialização Epistemologías del Sur (2018-2019), coorganizado pela CLACSO e o CES-UC, no qual eu, Claudia Carvalho, tive a oportunidade de colaborar com a Teresa e demais colaboradoras/as de mais de 5 países dos continentes Europa, América Latina, África e Ásia. Daí também surgiu a idéia de propor um conjunto de mesas de “Ecologias feministas de saberes”, sob nossa coordenação, para o colóquio de homenagem a Boaventura de Sousa Santos, pelos 40 anos do CES em 2018, contamos com três (03) mesas, num total de onze (11) comunicações, em torno do tema. Assim, este projeto de Ensino e Extensão é o alargamento dessa proposta ampliadas de co-construção epistêmica e políticas feministas, além de situar e articular lutas emancipatórias que promovem a justiça social, cognitiva e sexual no feminino.


Organização: Profª Draª Claudia Cristina Ferreira Carvalho
 


17/05: Audiência Pública sobre direitos LGBT's - 19h na Câmara Municipal de Dourados/MS;
29/06: Parada do Orgulho LGBT.

 

Sugestões de Pautas e Informações adicionais: nedgs@ufgd.edu.br
Telefone para contato: 3410-2704

 

 





 

Conselho Gestor, Membros e Representantes

Ana Carolina Santana Moreira - Coordenadora

Ana Carolina - Coordenadora do NEDGS

Atuação: Possui graduação em Direito pela Universidade Federal da Grande Dourados (2010) e Mestrado em Educação pela UFGD (2015). Está na chefia do Núcleo de Diversidade de Gênero e Sexual da UFGD desde 2018 e na Ouvidoria da UFGD desde 2016. Realiza a gestão Sistema de Informação ao Cidadão SIC/UFGD desde 2017, possui Certificação em Ouvidorias dada pela Ouvidoria Geral da União-OGU/CGU, participa como representante da UFGD na Rede de Enfrentamento à Violência contra a Mulher do Município de Dourados desde 2016 e integra o Coletivo LGBTIQ+ de Dourados desde 2018. 

Publicação recente: MOREIRA, A. C. S.. O Estado Democrático De Direito e a Expansão da Educação Superior no Brasil. In: XXII SEMINÁRIO NACIONAL UNIVERSITAS/BR, 2014, Natal. XXII SEMINÁRIO NACIONAL UNIVERSITAS/Br. Natal: UFRN, 2014. v. 01. p. 1089-1104. Disponível em: <http://www.obeduc.uerj.br/arquivos/v2ANAISDOXXIISEMIN%C3%81RIONACIONALUNIVERSITAS.pdf>.

E-mail para contato: anamoreira@ufgd.edu.br

Rosalice Lopes – Vice Coordenadora – Titular da FCH

Rosalice em uma fotografia sorrindo.

 

Atuação: Doutora em Psicologia Social (2004) pelo Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo. Mestre em Psicologia do Escolar e do Desenvolvimento Humano (1998) pelo mesmo Instituto. Especialista em Psicologia Social e Terapeuta Comunitária. Professora Permanente do Programa de Pós Graduação - Mestrado em Psicologia, linha de pesquisa: Processos Comportamentais e Cognitivos. Professora da Graduação em Psicologia na disciplina de Psicodiagnóstico. Sub-Chefe do Núcleo de Estudos de Diversidade, de Gênero e Sexual - NEDGS. Coordena o Humanitas - Grupo de Pesquisa e o projeto de Extensão I Grupo de Diálogos Trans-Femininos no Cárcere na Penitenciária de Dourados. Desenvolve pesquisa sobre os conceitos de empatia, conduta empática e ética na prática psicológica. Supervisiona estágio na Penitenciária Estadual de Dourados - MS e atendimento clínico de crianças e adolescentes em condição de vulnerabilidade social.

Publicação recente: LOPES, Rosalice. Terapia Comunitária Integrativa: campo de conscientização em uma prisão feminina. Temas em Educação e Saúde (Araraquara), v. 11, p. 121-151, 2015. Disponível em: <https://periodicos.fclar.unesp.br/tes/article/view/9173/6080>.

E-mail para contato: rosalicelopes@ufgd.edu.br 

Alice Alves da Silva – Secretária

Alice em fotografia sorrindo.

Atuação: Possui graduação em Direito pela Universidade Católica Dom Bosco(2015). Atualmente é Assistente em Administração da Universidade Federal da Grande Dourados. Tem experiência na área de Administração.

E-mail para contato: alicesilva@ufgd.edu.br

Douglas Silva Fernandes – Estagiário

Douglas em selfie sorrindo.
 

Atuação: Acadêmico do curso de Letras da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) e estagiário no Núcleo de Estudos de Diversidade de Gênero e Sexual (NEDGS).

E-mail para contato:

Roberta Lima Costa – Estagiária

Roberta séria em selfie.

Atuação: Acadêmica do curso de História da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) e estagiária no Núcleo de Estudos de Diversidade de Gênero e Sexual (NEDGS).
E-mail para contato: robertalcosta@ufgd.edu.br
 

Fabiano Coelho – FCH – Suplente

Fabiano sério em selfie.
 

Atuação: Doutor em História pelo Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal da Grande Dourados (PPGH/UFGD). Mestre em História pelo PPGH/UFGD (2010). Graduado em História pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - UFMS/CPTL (2007). Docente dos Cursos de Graduação e Pós-Graduação (Mestrado e Doutorado) em História da FCH/UFGD. Possui trabalhos publicados em livros, periódicos e anais de eventos científicos. Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil, atuando principalmente nos seguintes temas: movimentos sociais, Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), reforma agrária, luta pela terra, história e representações, história e/da imprensa, história cultural, história e/do tempo presente.

Publicação recente: COELHO, Fabiano. Descaso com a Reforma Agrária e Repressão Contra os Movimentos Sociais: representações do MST sobre Collor (1990-1992). Revista Antíteses, v. 10, p. 311-331, 2017. Disponível em: <http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/antiteses/article/view/27717>.

E-mail para contato: FabianoCoelho@ufgd.edu.br

 

Ana Paula Oliveira e Fernandes – EAD – Titular

Ana Paula em fotografia sorrindo.
 

Atuação: É Pessoa Surda, possui graduação em Educação Artística pelo Centro Universitário da Grande Dourados (2001) e graduação em Licenciatura em Letras/Libras pela Universidade Federal de Santa Catarina (2012). Atualmente é professora do magistério superior da Universidade Federal da Grande Dourados. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Língua de Sinais, atuando principalmente nos seguintes temas: língua de sinais, surdez, educação especial, Libras e educação a distância. É Mestre em Letras, sob a orientação de Rita de Cássia A Pacheco Limberti.

Publicação recente: CONSTANCIO, R. F. J. ; FERNANDES, A.P.O. e ; OCHIUTO, E. F. A. S. ; RECH, G. C. . Glossário de Libras: caminhos para construção de instrumento de coleta de dados. EAD & TECNOLOGIAS DIGITAIS NA EDUCAÇÃO, v. 4, p. 7-14, 2017.

E-mail para contato: ap.fer.colz@gmail.com - AnaPaulaFernandes@ufgd.edu.br

 

Elizabeth Matos Rocha – EAD – Suplente 

Elizabeth em fotografia sorrindo.
 

Atuação: Elizabeth Matos Rocha é Professora Adjunta da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD/MS), atual Diretora da Faculdade de Educação a Distância da UFGD, Líder do Grupo de Pesquisa em Tecnologias Digitais e Educação a Distância (GTED). Concluiu Habilitação em Matemática pela Universidade Castelo Branco, no Rio de Janeiro (1992). Concluiu o mestrado (2006) e o doutorado (2008) em Educação pela Faculdade de Educação da Universidade Federal do Ceará (FACED/UFC). É revisora ad hoc da Revista Brasileira de Educação (RBE) e da Revista Conexões: Ciência e Tecnologia do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFCE). Tem pesquisas e publicações na área de Educação a Distância e Tecnologias Digitais na Educação, com ênfase no ensino de Matemática e formação docente.

Publicação recente: AGUIAR, G. M. P. ; ROCHA, Elizabeth Matos; ARAUJO, A. C. U. ; MARQUES, D. L. . A INTERIORIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA NO CEARÁ: UM ESTUDO DE CASO NO IFCE. Conexões : Ciência e Tecnologia, v. 9, p. 25-33, 2015. Disponível em: <conexoes.ifce.edu.br/index.php/conexoes/article/download/738/530>.

E-mail para contato: ElizabethRocha@ufgd.edu.br/elizabeth.matosrocha@gmail.com

 

Marcos Machado Chaves – FACALE – Titular
Marcos fotografado sorrindo discretamente.
 

Atuação: Graduado em Música pela Universidade Federal de Pelotas (2006), Especialista em Encenação Teatral pela Universidade Regional de Blumenau (2009), Mestre em Artes Cênicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2011) e Doutor em Teatro pela Universidade do Estado de Santa Catarina (2016). Professor Adjunto da Universidade Federal da Grande Dourados - curso de Artes Cênicas, área de Música e Cena. Artista (Marcos Chaves/Markus Chaves) com registro profissional (DRT-RS 7611 e 982) nas funções de ator, diretor, sonoplasta, operador e técnico de som. Tem experiência na área de Artes, atuando principalmente nos seguintes temas: teatro, preparação musical/vocal, música de cena e trilha sonora. Integrante do comitê científico da Società Italiana per l'Educazione Musicale (SIEM) - seção de Macerata. Foi coordenador do curso de graduação em Artes Cênicas da UFGD (Bacharelado e Licenciatura) na gestão 2015, e do curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Teatro: Poéticas e Educação (2016). 

Publicação recente: CHAVES, Marcos. Observações sobre a trilha sonora teatral em diálogos. Revista Cena, v. 18, p. 1, 2015. Disponível em: <https://seer.ufrgs.br/cena/article/download/61485/36509>.

E-mail para contato: marcoschaves@ufgd.edu.br

 

Igor Emanuel de Almeida Schiavo – FACALE – Suplente

Igor encarando a câmera de maneira séria, com vestes de uma performance, aparentemente.
 

Atuação: Professor de Magistério Superior, no Curso de Artes Cênicas, da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD). Doutorando em Artes Cênicas pela Universidade Federal da Bahia - UFBA (2016-atual), sob a orientação do Prof. Dr. Fabio Dal Gallo. Mestre em Educação pela Universidade Federal do Paraná - UFPR (2014), sob orientação do Prof. Dr. Carlos Herold Jr. Especialista em História da Arte Moderna e Contemporânea pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná - EMBAP (2009), sob orientação da Prof. Drª Margarida Gandara Rauen. Graduado em Licenciatura em Teatro pela Faculdade de Artes do Paraná - FAP (2008). Ator (DRT-19326), Dramaturgo e cofundador do Coletivo Clandestino (2003-atual), grupo de pesquisa teatral, atuando como Dramaturgo e Ator na peça A coragem que conserva os dentes (2015-atual). Outros trabalhos recentes: A peça provisória sobre um INVASOR (2012-14), contemplado com o Prêmio FUNARTE-Artes Cênicas na Rua (2012) e Deus ajuda os Bão (IX Mostra de Teatro Popular de Londrina, Fringe, 39 FENATA, Mostra Sesc Curitiba de Teatro de Rua,2010-12) Possui pesquisa voltada para o Teatro de Rua, Teatro Dialético, Ensino do Teatro, Literatura e Dramaturgia.

Publicação recente: SCHIAVO, I.. Compartilhar e resistir: o teatro de rua na universidade. In: II Reunião Artístico científica do GT Artes Cênicas na rua., 2018, São João Del-Rei. Anais do GT Artes Cênicas na Rua. Porto Velho: Edufro, 2017. v. 01. p. 15-22. Disponível em: <www.periodicos.unir.br/index.php/cenicasnarua/issue/download/344/67>.

E-mail para contato: igorschiavo@ufgd.edu.br 

 

Rômulo Carvalho Cristaldo – FACE – Titular

Rômulo em selfie sorrindo.

 

Atuação: Doutor em Administração (NPGA-UFBA), Mestre em administração (NPGA-UFBA), Especialista em Metodologia e Didática do Ensino Superior (FSB-BA) e Bacharel em Administração (UFBA). Tem interesse na área de Estudos Organizacionais, com ênfase em Política, Estratégia e Geoestratégia Capitalista, Estudos Críticos de Gestão e Estudos do Desenvolvimento.

Publicação recente: CRISTALDO, R. C.; SENNA, J. R. de ; MATOS, L. S. . The founding narratives of the myth of economic development and the Brazilian neo-developmentalism. RAP. Revista Brasileira de Administração Pública, v. 52, p. 527-553, 2018.

E-mail para contato: romulocristaldo@ufgd.edu.br

 

Marcelo Chaves de Jesus – FACE – Suplente

Marcelo em fotografia sorrindo.
 

Atuação: Graduado em Ciências Contábeis pela Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul - UEMS (2009) e mestre em Contabilidade e Finanças pela Universidade Federal do Paraná - UFPR (2012). Atualmente é Coordenador do Curso de Ciências Contábeis na Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Economia - FACE da Universidade Federal da Grande Dourados - UFGD. Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Ciências Contábeis, com interesse, principalmente, nos seguintes temas: jogos de empresas e simulações no ensino de administração e contabilidade, impacto social da atuação profissional do contador, economia solidária e gestão pública.

Publicação recente: ANJOS, R. P. ;JESUS, M. C.; PANHOCA, L. ; CLEMENTE, A. . Condicionantes para o crescimento dos empreendedores individuais formais e informais. REVISTA INTERATIVIDADE, v. 5, p. 3-26, 2017.

E-mail para contato: marcelojesus@ufgd.edu.br


 

Maria Amélia Monteiro – FACET – Titular

 

Atuação: Possui graduação em Ciências - Física (Licenciatura) pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (1991), mestrado em Ensino nas Ciências pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (2000) e doutorado em Educação Para a Ciência pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2010). Atualmente é docente da FACET/UFGD. Tem experiência na área de Ensino de Ciências, com ênfase em formação de professores, história e filosofia da ciência e da tecnologia e linguagem.

Publicação recente: MONTEIRO, Maria Amélia; Roberto Nardi . As contribuições de Galileu à astronomia nas abordagens dos livros didáticos de física: uma análise na perspectiva da natureza da ciência. Revista Electrónica de Investigación en Educación en Ciencias (En línea), v. 10, p. 58-72, 2015. Disponível em: <https://www.redalyc.org/pdf/2733/273341286005.pdf>.

E-mail para contato: MariaMonteiro@ufgd.edu.br

 

Marcio Roberto da Silva Oliveira – FACET – Suplente

Márcio em fotografia sorrindo.
 

Atuação: Marcio Roberto Oliveira é doutor em Ciências pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, EP-USP (2011), possui graduação em Física (2005) e mestrado em Química (2007) pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, UFMS. É professor adjunto da Universidade Federal da Grande Dourados, UFGD. Tem experiência na construção de baterias e dispositivos eletrocrômicos conhecidos como "Janelas inteligentes". Estudou a eletrodeposição reversível de metais, Prata, Cobre e Bismuto, para aplicação em dispositivos. Realizou a micro e nanofabricação de superfície super-hidrofóbica "Superfície à prova d'água" utilizando o efeito Lótus.

Publicação recente: Oliveira, M. R. S.. Físicos Negros: Promovendo a Diversidade por meio de Associações. Revista ABPN, v. 9, p. 206-227, 2017. Disponível em: <http://www.abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/article/view/405>.

E-mail para contato: MarcioRoberto@ufgd.edu.br

 

Simone Becker – FADIR – Titular

Simone em fotografia em preto e branco, com um livro em mãos e um cartaz de Amy Winehouse ao fundo.
 

Atuação: Sou filhx da PUC (do PR), onde o Direito (1995) me pôs tanto na forma da norma quanto nas margens do que a transborda. Desassossegada por "essência", através dos enlaces com a Antropologia (mestrado defendido em 2002 na UFPR e doutorado em 2008 na UFSC) inter-ajo com (a)gentes que em meio às normatizações/normalizações institucionais das ciências (não cênicas), (re)produzem re-existências na travessia do viver - as bem-ditas-vindas minorias. Como docente (não tão doente), contadora de Héstorias, catadora e costuradora de palavras, na ágora da UFGD/MS, desde 2008, sigo gerundiando com a EDUCAÇÃO - na pós-graduação (PPGAnt/PPGS/Especialização DH) e na graduação. Inspirada pelos sentidos mais potentes do verbo-sujeito EDUCAR, tento na travessia do viver, aliar SABER a SABOR, irradiando tais efeitos ao pesquisar, ensinar e extensionar. Ser-estar mais docente e menos doente, in-corporando mais alegria e menos alergia, eis um dos desafios (de meu instante-já) nas experimentações, em especial, nesse contexto tão atravessado por fluxos de contradições - do pulsar para a vida e para a morte, que é o acadêmico. Como companheirxs de jornada desse "bem-viver" Leminski, o Paulo; Fernando, a pessoa do Pessoa; Clarice, a estrela da Lispector (...) Como ins-pira-ação Michel Foucault, quem em seus ditos e feitos me toca para as trocas guiadas pelo "eterno retorno". Aliás, teórico que atravessa as (des)pensações do projeto de pesquisa (2015 a 2018) sobre racismo contra pessoas negras e indígenas no Judiciário brasileiro, por mim coordenado e pelo qual desfrutei de bolsa de produtividade do CNPq.

Publicação recente: MACEDO, RAYANE BARTOLINI ; BECKER, Simone . Contornos das biografias de agentes envolvidos no trâmite da PEC 215. REVISTA ÑANDUTY, v. 6, p. 60-90, 2018. Disponível em: <http://ojs.ufgd.edu.br/index.php/nanduty/article/view/8836>.

E-mail para contato: SimoneBecker@ufgd.edu.br/simonebk@yahoo.com.br

 

Daniele Menezes Albuquerque – FCA – Titular

Daniele em selfie sorrindo.
 

Atuação: Engenheira de Pesca formada na Universidade Federal do Ceará, Mestre do Programa de Pós-Graduação em Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca da Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Unioeste e Doutora em Zootecnia pela Universidade Estadual de Maringá. Atualmente é Professora da Universidade Federal da Grande Dourados do Curso de Engenharia de Aquicultura. Tem experiência na área de Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca, atuando principalmente em aquicultura continental e análise de dados biológicos.

Publicação recente: MARENGONI, N. G.; MAHL, I. ; ALBUQUERQUE, D. M.; Moura, Milton Cézar ; SANCHES, E. A. ; PIANA, P. A. . Formato e área de comedouros em tanques-rede para juvenis de tilápia do Nilo. ARCHIVOS DE ZOOTECNIA, v. 66, p. 567-577, 2017.

E-mail para contato: danielealbuquerque@ufgd.edu.br

 

Alcimar Silva Queiroz – FAED – Titular

 

Atuação: Possui doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (2011), mestrado em Educação pela Universidade de São Paulo (2005) e tem estágio pós-doutoral no Telecommunication and Information Policy Institute (TIPI-UTexas) nos Estados Unidos. Pesquisa em Portugal, no Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL), e, no Brasil, no Grupo de Políticas Públicas para o Acesso à Informação (GPOPAI-USP). Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Sociologia. Também pesquisa em robótica educacional e metodologia do ensino em tecnologias educativas, atuando principalmente nos seguintes temas: políticas públicas, sociedade da informação, tecnologia aplicada à educação. É professor na Universidade Federal da Grande Dourados.

Publicação recente: Machado, Jorge; QUEIROZ, A. . Segurança, controle e monitoramento versus direitos fundamentais: Uma análise do projeto de lei? Marco Civil da Internet?. Revista Gestão & Políticas Públicas, v. 1, p. 167-184, 2012.

E-mail para contato: alcimarqueiroz@ufgd.edu.br 

Míria Izabel Campos – FAED – Suplente

Míria em fotografia sorrindo.
 

Atuação: Possui graduação em Psicologia pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG/1985), Especialização em Psicologia Educacional pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MINAS/1996), Mestrado em Educação pela Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD/2010) e Doutorado em Educação pela Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD/2018). É Professora Adjunta da Universidade Federal da Grande Dourados, lotada na Faculdade de Educação (FAED), na qual ministra as seguintes disciplinas: Psicologia do Desenvolvimento e da Aprendizagem (nas diversas Licenciaturas da UFGD), Pesquisa em Educação, Trabalho de Graduação I, Trabalho de Graduação II e Educação e Relações de Gênero. É membro suplente do Núcleo de Estudos de Diversidade de Gênero e Sexual (NEDGS) da UFGD e membro titular da Comissão Especial de Curso de Especialização (COESCE) da FAED e da Comissão de Autoavaliação dos Cursos de Graduação da Faculdade de Educação (FAED). Realiza estudos e pesquisas na temática gênero, sexualidade e educação infantil, com ênfase nos trabalhos com formação de professoras. É membro do Grupo de Pesquisa Educação e Processo Civilizador (GPEPC). 

Publicação recente: KOCHI, JOICE; SARAT, MAGDA; CAMPOS, MÍRIA . -ESCOLA MODELO DE LÍNGUA JAPONESA - EM DOURADOS/MS: IMIGRAÇÃO, HISTÓRIA E EDUCAÇÃO FEMININA. Revista Brasileira de Pesquisa (Auto)Biográfica, v. 03, p. 167-186, 2018. Disponível em: <http://www.revistas.uneb.br/index.php/rbpab/article/view/4122>.

E-mail para contato: MiriaCampos@ufgd.edu.br

 

Kelly Cristina da Silva Brabes – FAEN

Kelly em fotografia sorrindo.

Atuação: Graduada em Zootecnia, mestre em Ciência de Alimentos (subárea de Microbiologia de Alimentos) pela Universidade Federal de Lavras (UFLA/MG) e Doutorado em Ciência e Tecnologia de Alimentos pela Universidade Federal de Viçosa (UFV). Docente da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) desde 2006, com lotação na Faculdade de Engenharia (FAEN). Pertence ao quadro docente do Programa de Pós-graduação em Ciência e Tecnologia Ambiental em nível de Mestrado e Doutorado (Conceito 5 CAPES), responsável pela disciplina de Microbiologia Ambiental. Líder do Grupo de Pesquisa GQMA (Grupo de Química e Microbiologia Aplicada), em que desenvolve projetos de Pesquisa e Ensino Extensão. Possui experiência em Microbiologia Aplicada a Alimentos, Saúde Humana e Animal, Controle e Monitoramento Ambiental e Higiene, Desenvolvimento de Materiais Antimicrobianos e Aplicações Tecnológicas, Estudos em Adesão e Formação de Biofilmes Microbianos., Biocorrosão, Controle de Qualidade de Carnes e Derivados e Leite e Derivados e Microbiologia Ruminal e Produção/Nutrição de Ruminantes.

Publicação recente: RECH, C. R. ; MARTELLI, S. M. ; SILVA, B. E. B. E. ; BRABES, K. C. S. . Antimicrobial analysis and characterization of P(3HB) films with different concentrations of essential oils. ORBITAL: THE ELECTRONIC JOURNAL OF CHEMISTRY, v. 10, p. 9-13, 2018. Diponível em: <http://www.orbital.ufms.br/index.php/Chemistry/article/view/1007>.

E-mail para contato: KellyBrabes@ufgd.edu.br

 

Mariana Lara Menegazzo – FAEN – Suplente

Mariana em fotografia sorrindo.
 

Atuação: Possui graduação em Engenharia Ambiental pela Universidade Federal de Itajubá (2005) e mestrado em Ciência e Tecnologia Ambiental pela Universidade Federal da Grande Dourados (2012). Atualmente é professor da Universidade Federal da Grande Dourados. Tem experiência na área de TecnologiasAmbientais, com ênfase em meio ambiente, atuando principalmente nos seguintes temas: oleos, biodiesel e resíduos agroindustriais.

Publicação recente: MENEGAZZO, MARIANA LARA; FRANCO LUCAS, BÁRBARA ; BOARIN ALCADE, LÍGIA ; PETENUCCI, MARIA EUGENIA ; GRACIANO FONSECA, GUSTAVO . Production of biodiesel via methyl and ethyl routes from Nile tilapia and hybrid Sorubim crude oils. Journal of Environmental Chemical Engineering, v. 3, p. 150-154, 2015. Disponível em: <https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S2213343714002796?via%3Dihub>.

E-mail para contato: MarianaMenegazzo@ufgd.edu.br

Laura Jane Gisloti – FAIND

Laura de perfil em uma paisagem arborizada.

Atuação: Mestre em Parasitologia/Entomologia e Doutora em Biologia Animal na área de Biodiversidade pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Professora Adjunta na Faculdade Intercultural Indígena (FAIND), da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) atuando nos cursos de Licenciatura em Educação do Campo e Licenciatura Intercultural Indígena Teko Arandu. É docente e orientadora no mestrado e doutorado do Programa de Pós-Graduação em Entomologia e Conservação da Biodiversidade da mesma instituição. No ensino ministra os componentes curriculares relacionados à Zoologia e Entomologia Aplicada, com foco no manejo agroecológico de insetos e no ensino de ciências. Na pesquisa, além de trabalhar com a área de origem relacionada à diversidade e manejo de insetos, tem trabalhado com a Etnoentomologia como prática interdisciplinar no ensino de ciências. Na extensão tem participado de projetos que envolvem o conhecimento tradicional relacionado ao manejo agroecológico de ecossistemas. Taxonomia, Sistemática de Lonchaeidae (Diptera, Acalyptratae ), Diversidade de insetos frugívoros e Ecologia de insetos frugívoros.

Publicação recente: Gisloti, L; UCHOA, M.; Prado, A. P. New records of fruit trees as host for Neosilba species (Diptera, Lonchaeidae) in southeast Brazil. Biota Neotropica (Online. Edição em Inglês), v. 17, p. 1, 2017.

E-mail para contato: lauragisloti@ufgd.edu.br

 

José Daniel de Freitas Filho – FCBA – Titular

José encarando a câmera com um leve sorriso.
 

Atuação: Possui graduação em Geologia pela Universidade Federal de Mato Grosso (1984) e mestrado em Geociências e Meio Ambiente pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1999). É Professor Assistente da Universidade Federal da Grande Dourados. Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em Geologia Ambiental e Gestão de Recursos Hídricos atuando principalmente nos seguintes temas: geotecnia, planejamento, geologia e gestão ambiental de recursos naturais.

Publicação recente: FREITAS FILHO, J. D. de; Chagas-Neto, Matias . Metodologia de Geologia e Geotécnica. In: VITO COMAR; EDUARDO MIRKO VALENZUELA TURDERA; FABIO EDIR DOS SANTOS COSTA. (Org.). AVALIAÇÃO AMBIENTAL ESTRATÉGICA PARA O GÁS NATURAL AAE/GN. 1ed. RIO DE JANEIRO; DOURADOS: INTERCIÊNCIA; UEMS, 2006, v. ÚNICO, p. 119-152.

E-mail para contato: josefilho@ufgd.edu.br

 

Verônica Gronau Luz – FCS – Suplente

Verônica em selfie sorrindo.
 

Atuação: Graduada em Nutrição pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas, em 2005. Mestre (2010) e Doutora em Saúde Coletiva (2014), área de Epidemiologia, pelo Departamento de Saúde Coletiva, Faculdade de Ciências Médicas, UNICAMP, com estágio doutoral de um ano na University of Massachusetts Lowell, MA, EUA. Possui experiência docente na área de Nutrição em Saúde Coletiva, Saúde Coletiva e Epidemiologia. Possui como campo de vinculação acadêmica as seguintes áreas e temas: Saúde do Trabalhador, Segurança Alimentar e Nutricional, Agricultura Familiar, Trabalho Rural, Agroecologia, Inquérito Domiciliar de Saúde e Saúde Indígena. É membro do Grupo Temático - Alimentação e Nutrição em Saúde Coletiva (GT-ANSC), da ABRASCO (Associação Brasileira de Saúde Coletiva) e está como Presidente do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (COMSAN) no município de Dourados-MS. É docente adjunta no Curso de Nutrição da Faculdade de Ciências da Saúde - FCS, na Universidade Federal da Grande Dourados - UFGD, Mato Grosso do Sul.

Publicação recente: CORDEIRO, RICARDO; LUZ, Verônica Gronau; HENNINGTON, ÉLIDA AZEVEDO ; MARTINS, ANA CLÁUDIA ALVES ; TÓFOLI, LUÍS FERNANDO . A violência urbana é a maior causa de acidente de trabalho fatal no Brasil. REVISTA DE SAÚDE PÚBLICA (ONLINE), v. 51, p. 123, 2017. Disponível em: <https://www.revistas.usp.br/rsp/article/view/141564>.

E-mail para contato: veronicaluz@ufgd.edu.br

 

Maria Cláudia Bernardes Spexoto – FCS

Maria em fotografia sorrindo.
 

Atuação: Nutricionista pela Universidade Metodista de Piracicaba (2002), Especialista em Administração e Negócios em Alimentos e Alimentação pelo Centro Universitário de Rio Preto (2005), Mestre e Doutora em Alimentos e Nutrição (área de concentração: Ciências Nutricionais) pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2010; 2015). Especialista em Nutrição Clínica pela Associação Brasileira de Nutrição (2011). Atualmente é Professor Adjunto A (Nível I) da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Mato Grosso do Sul, regime 40 horas/dedicação exclusiva.

Publicação recente: CAMPOS, J. A. D. B. SPEXOTO, MARIA CLAUDIA BERNARDES ; SILVA, W. R.; SERRANO, S. V.; MAROCO, J. European Organization for Research and Treatment of Cancer Quality of Life Questionnaire Core 30: factorial models to Brazilian cancer patients. EINSTEIN (SAO PAULO), v. 16, p. 1-8, 2018. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1679-45082018000100211&lng=en&tlng=en>.

E-mail para contato: MariaSpexoto@ufgd.edu.br

 

Jean Willian de Souza – Titular – Representante do DCE

Jean sério em selfie.
 

Atuação: Atualmente é assistente administrativo da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, no Centro de Estudos, Pesquisa e Extensão em Educação, Gênero, Raça e Etnia - CEPEGRE e acadêmico de Pedagogia da Universidade Federal da Grande Dourados.

E-mail para contato: jwdesouza@hotmail.com
 

Bárbara Battistotti Vieira – Suplente (DCE)

Bárbara em uma selfie.

 

Atuação: Graduanda em Psicologia pela Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD).

E-mail para contato: basrbarabattistotti2@gmail.com

 

Lucas Henrique dos Santos Silva – Titular (DCE)

Lucas em uma selfie.

 

Atuação: Graduando em Medicina, pela Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD).

E-mail para contato: lucasprionufgd@gmail.com

 

Rickymias dos Reis Queiroz – Suplente (DCE)

Rickymias em uma selfie, de camiseta azul, com prédios ao fundo.
 

Atuação: Graduando em Ciências Sociais, pela Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD).

E-mail para contato: rickymias2012@hotmail.com

 

Nosli Melissa – Titular - Representante da Sociedade Civil

Nosli posando com a sua certidão de nascimento em mãos.
 

E-mail para contato: nosli.nte@gmail.com
 

Cleiton Zóia Münchow – Titular

Cleiton sorrindo levemente para a câmera.
 

E-mail para contato: cleiton.munchow@ifms.edu.br
 

Paula Ribeiro dos Santos Orue – Delegada de Polícia – Suplente

Paula fotografada em um momento de fala.
 

E-mail para contato: delegadapaularibeiro@gmail.com


REPRESENTANTES DOS TÉCNICOS ADMINISTRATIVOS

 

Josilaine Andreia da Silva Gomes

Atuação: Possui graduação em HISTÓRIA pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2003), Especialização em Educação, Gestão Escolar, Supervisão de Ensino e Orientação Educacional (2008). Atualmente trabalha como assistente administrativo na Universidade Federal da Grande Dourados, lotada na Faculdade de Ciências Exatas e Tecnologia. Tem experiência na área de História, com ênfase em Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: acervo fotográfico, memória, gênero e identidades.

E-mail para contato: josilainegomes@ufgd.edu.br

Igor Holzbach

E-mail para contato: igorholzbach@ufgd.edu.br

 

Joana Lourdes Cristaldo Romero

E-mail para contato: joanaromero@ufgd.edu.br

 

Claudia Cristina Ferreira Carvalho – Colaboradora

Claudia em foto sorrindo.
 

Atuação: Professora Adjunta da Universidade Federal da Grande Dourados/UFGD, Doutora em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso /UFMT, com Estágio Sanduíche no Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra-Portugal, Mestrado em Educação (2008), graduação em Pedagogia- \Habilitação em Supervisão Escolar (1994). Atuação como docente no Ensino Superior nos cursos de Pedagogia, Assistência Social, Formação de Oficiais da Policia Militar, Comunicação Social, temáticas de estudo: Currículo e Avaliação Educacional, direitos humanos, diversidade e educação, relações etnico-raciais, gênero, sexualidade, estado e segurança publica, sociologia da comunicação, didática de ensino. 

Publicação recente: CARVALHO, Claudia Cristina Ferreira. DIÁLOGOS SUL-SUL: a hibridização das fronteiras abissais da violência de gênero em uma prisão feminina brasileira. Mulheres, Territórios e Identidades: Despatriarcalizando conceitos. 1ed.CURITIBA: CRV, 2018, v. I, p. 09-204.

E-mail para contato: ClaudiaCarvalho@ufgd.edu.br/claucarv@hotmail.com

 

 


Fim do conteúdo da página